Instagram

18 novembro 2013

Vidago Futebol Clube, 1951

Vidago Futebol Clube, 1951

No dia 18 de Novembro de 1951, faz hoje 62 anos, o meu pai (Luís Barreira -em cima, o segundo da esquerda para a direita) estreou-se a defender as cores do Vidago Futebol Clube.

14 novembro 2013

08 novembro 2013

"As três palavras mais estranhas"

Foto: Luís Barreira



As três palavras mais estranhas

"Quando pronuncio a palavra FUTURO
a primeira sílaba já se perde no passado.
Quando pronuncio a palavra SILÊNCIO
suprimo-o.
Quando pronuncio a palavra NADA
crio algo que não cabe em nenhum ser".

Wislawa Szymborska

07 novembro 2013

Sermão do Bom Ladrão

BOSCH
O Mágico, 1502-20
Óleo s/ madeira, 53 × 65 cm

Saint-Germain-en-Laye, Musée Municipal.


Non dimittitur peccatum nisi restituatur ablatum.
"A salvação não pode entrar sem se perdoar o pecado, e o pecado não se perdoa sem se restituir o roubado".
Padre António Vieira

01 novembro 2013

Vidago Futebol Clube, 1962

Vidago FC / SC Vila Real, 1962 (Foi a primeira vez que o Vila Real foi jogar a Vidago)

consigo identificar alguns, mas não todos. Necessito de ajuda vossa... e a ajuda chegou através de António Manuel Pires Almeida (Tó Andorinha). Obrigado

Equipa do Vidago Futebol Clube:

Luis Barreira (treinador), Ferreira (guarda redes suplente), Paulo, Guilhermino, Manuel Sapateiro, Miro, Américo Patoleia, Padilha, Óscar, Tó Oliveira (Pópulo), Mário Pinto, Tó Andorinha, Arlindo Vilela (Director)

Na primeira fila: Platas, Alberto Gonçalves (Leirato), Quim, Zé Manel (Loivos) Avelino, Simões (Piorro), Abílio, Joãozinho, e Morais.